Eletrônica e Informações

Aqui você encontra informações sobre Manutenção em Monitores de Vídeo, Impressoras, Manuais, Esquemas, Forum Técnico, Artigos, Cursos Online, Localizador Eletrônico de Circuitos e Milhares de Links para o mundo da eletrônica!

 
Home  
Artigos  
Datasheet's  
Esquemas  
Circuitos  
Cursos Online  
Links  
Classificados  
Modo Serviço  
Códigos DVD  
Impressoras / Reset  
Cartuchos / Reset  
     
     
 

DIRETÓRIOS

 
     
Astronomia  
Genealogia  
Ufologia  
Pesca Amadora  
Numismática  
WebCam  
Drivers  
     
     
 

SOBRE O SITE

 
     
Premios Recebidos  
Sites Parceiros  
Links para Freebr  
     
 

 
     
 

 

 
Aplicação de pasta térmica
 

Extraído do livro Manual de manutenção e expansão de PCs

Autor: Laércio Vasconcelos
extraído do site www.laercio.com.br

 

Pasta térmica

Processadores Pentium esquentam muito, e todos devem obrigatoriamente utilizar um microventilador. O mesmo ocorre com outros processadores similares, como o AMD K6, Cyrix 6x86MX, etc. Também os processadores 486 necessitam de microventilador. Ocorre que em muitos casos, mesmo com o ventilador, ocorre aquecimento excessivo. A situação é mais crítica quando o computador está localizado em ambiente não refrigerado, ou então quando a ventilação do gabinete é precária. Como resultado, o PC apresenta travamentos e erros diversos depois de ligado por alguns minutos. Os fabricantes de microprocessadores recomendam, em certos casos, a aplicação de pasta térmica entre o chip e o seu ventilador. Em outros casos, os fabricantes não fazem referência sobre o assunto. Seja como form a pasta térmica sempre melhora a transferência de calor entre o chip e o microventilador, deixando a sua temperatura mais baixa.

Para um usuário, a maior dificuldade em aplicar a pasta térmica é a sua quantidade. Apesar de não custar muito caro, um pote de pasta térmica tem quantidade suficiente para aplicar em dezenas de processadores. Um técnico de manutenção deve ter este pote de pasta térmica na sua maleta de ferramentas, e fazer a sua aplicação quando constatar problemas de aquecimento. Usando uma chave de fenda ou algum tipo de objeto que sirva como espátula, passamos a pasta sobre a face superior do chip. Fixamos a seguir o microventilador. O principal fator complicativo é o encapsulamento de processadores como o Pentium MMX, mostrado na figura 1. A pasta térmica, ao ser aplicada sobre as bordas laterais do chip, no qual estão os contatos dos seus pinos, pode eventualmente conduzir corrente elétrica, causando mau funcionamento. De um modo geral, a pasta térmica não conduz corrente, atuando como isolante elétrico. De qualquer forma, não custa nada prevenir. Podemos colocar sobre o processador, uma camada de plástico isolante, como também mostra a figura 1. Esta camada pode ser feita de plástico de transparência para impressoras a jato de tinta, ou outro tipo de plástico semelhante. Devemos cortar um quadrado com 4,8 cm de lado, e em seu centro destacar outro quadrado de 2,4 cm. A figura 2 mostra como construir este isolador.

Figura 1 - Podemos colocar um isolador plástico sobre o chip antes de aplicar a pasta térmica.

Colocamos o isolador sobre o processador, como mostra a figura 1, e aplicamos a pasta térmica como vemos na figura 3. A parte superior do processador deve ficar totalmente coberta. Devemos tomar cuidado para não deixar a pasta transbordar para as partes laterais, e para não sujar os pinos de encaixe localizados na parte inferior do chip.

Figura 2 - Dimensões do isolador plástico para o Pentium MMX

 

Figura 3 - Aplicando pasta térmica sobre o processador

Depois de aplicada a pasta térmica, podemos fixar o ventilador, como mostra a figura 4. O tipo de ventilador mostrado é fixado diretamente no chip. Existem ventiladores que são fixados na placa de CPU. Nesses casos, devemos colocar o chip no seu soquete, para depois fixar o ventilador.

Figura 4 - Acoplando o ventilador

Processadores nos quais a parte superior não possui contatos metálicos, como é o caso do Pentium P54C, até 166 MHz, não necessitam de plástico isolador. Podemos aplicar a pasta térmica diretamente sobre a sua face superior, e a seguir fixar o ventilador.

 

Copyright (C) 2000 Laércio Vasconcelos
Nenhum trecho desta página pode ser reproduzido em outros sites, livros, softwares ou qualquer outro meio de divulgação, nem utilizado para fins comerciais. Seu uso deve ser individual e pessoal.

[RETORNAR]

 

 

© Freebr.com  2004-2005 . Direitos Reservados   |   free web template from myfreetemplates.com   Free web templates by MyFreeTemplates.com